Laqueadura: o que é e quando fazer

Vamos falar sobre um método contraceptivo: a laqueadura. Você sabe o que é?

É uma cirurgia feita nas tubas uterinas, os canais onde o espermatozoide encontra o óvulo. Tem o objetivo de evitar que esse encontro aconteça, ficando assim impossível que se faça um bebê.

Como é o processo?

Primeiro, o médico faz um corte ou pequenos furos na região da barriga, para que possa ter acesso às tubas. Depois disso, pode fazer cortes nos canais e amarrar as pontas, ou apenas colocar um anel para bloquear a passagem dos óvulos.

Quem pode fazer?

Segundo a lei brasileira, as mulheres que têm direito à cirurgia são aquelas de mais de 25 anos e/ou que tenham dois ou mais filhos vivos. O médico também pode indicar a laqueadura em situações de risco para gravidez, tais como:

  • doença grave do coração, pulmões ou rins;
  • problemas com o sangue;
  • pressão alta;
  • diabetes grave;
  • ter feito mais de três cesáreas.

O que traz de bom

São várias as vantagens do processo. Ele não tem efeitos colaterais de longa duração, não atrapalha a amamentação e elimina a necessidade de outros métodos contraceptivos. Além disso, a cirurgia é difícil de se reverter e as chances de engravidar são praticamente nulas.

Os cuidados depois da cirurgia

Vejamos alguns cuidados a se tomar após a cirurgia!

Um deles é fugir de tarefas pesadas. Nada de limpar a casa ou fazer atividades físicas, como corridas e musculação. A dica é ficar em repouso e fazer caminhadas leves, seguindo a orientação do médico.

Sobre alimentos, valem as mesmas dicas de qualquer cirurgia: evite muito sal, frituras, comida industrializada, doces e refrigerantes. Prefira os mais leves, como carnes magras, frutas e vegetais. E beba bastante água.

Espere o médico definir quando você poderá voltar à “vida normal”.

Se estiver sangrando demais ou sentindo muita dor, o ideal é comunicar o ginecologista. Ele fará uma avaliação e dirá se é necessário algum tratamento.

Converse com seu médico e veja qual é o melhor método!

Fontes de referência: Tua Saúde, Doctoralia, Minha Vida

Sobre o autor

Você também pode gostar destes

Skip to content